Sábado, Julho 2, 2022
Atualidade Desportiva Dicas para ser melhor apostador Novos Valores

Vanderson – A Revelação do Brasileirão

O Grémio atingiu, esta época, um dos períodos mais tristes da sua história, descendo de divisão para a Série B do Brasileirão. Esta é a terceira vez na história que o clube de Porto Alegre é despromovido ao segundo escalão do futebol brasileiro. Apesar deste marco negativo na sua história o tricolor Gaúcho é conhecido por formar grandes talentos para o futebol brasileiro, como são os exemplos de Ronaldinho Gaucho, que foi duas vezes melhor do Mundo, Lucas Leiva, que passou pelo Liverpool, Anderson, que passou pelo FC Porto e Manchester United ou Douglas Costa, que atualmente encontra-se no clube gaúcho, entre outros.

Esta época surgiu um novo talento na lateral direita do Grémio, Vanderson. O “Vandinho” ou “Dentinho”, como é apelidado, nasceu em Rondonópolis, no Mato Grosso, no dia 21 de junho de 2001. Em 2018 foi contratado ao Rio Branco Esporte Clube e era visto nessa altura como um médio de construção. Nesse clube de São Paulo, disputou o Paulistão de sub-17 e apesar do interesse de clubes como o Palmeiras e Fluminense, acabou por transferir-se para o Grémio.

Perfil

Vanderson, tem 20 anos e esta época, em 52 jogos realizados fez 4 golos e 4 assistências, tendo sido uma das revelações da Série A do Brasileirão. Esta época, foi integrado na equipa A do Grémio e conseguiu alcançar a titularidade, ultrapassando Rafinha, ex-jogador do Bayern de Munique e Flamengo.

É um jogador que oferece muitas soluções, principalmente no processo ofensivo, dando soluções por dentro e por fora. É rápido, agressivo e muito inteligente no processo de tomada de decisão. No Grémio atuou como lateral direito, mas tendo em conta as suas características, pode atuar como ala direito, com menos responsabilidades defensivas e com mais liberdade ofensiva.

Momento Defensivo

Vanderson, estatisticamente, tem 55% dos duelos ganhos e 53% dos duelos aéreos ganhos, sendo um dos jogadores da sua posição que mais bolas recupera na Série A do Brasileirão.

É um jogador agressivo que raramente dá um lance como perdido, principalmente quando a equipa está a pressionar alto. Não obstante, abusa por vezes dessa agressividade, fazendo faltas desnecessárias para cartões. Adicionalmente e devido à sua propensão ofensiva, principalmente em defesas a 4, pode ficar fora de posição, expondo a linha defensiva.

Momento Ofensivo

A grande qualidade de Vanderson é a variabilidade que oferece, tendo a capacidade de jogar como um ala de corredor ou como um lateral mais construtor pelo corredor central.

Por outro lado, a velocidade e o ritmo alto que impõe à sua equipa, permite que seja um jogador muito importante no momento de transição ofensiva.

Tem um excelente critério no momento de tomada de decisão, procurando o colega livre ou através de combinações interiores e exteriores. A qualidade de passe e a inteligência, aliada a uma excelente capacidade para efetuar cruzamentos, torna-o um jogador muito completo.

Conclusão

Vanderson, foi a par de André, eleito a revelação do Brasileirão, prémio atríbuido aos principais jogadores jovens do Brasileirão, sendo um jogador atrativo para o mercado europeu. Com o crescimento dos esquemas de 3 centrais, os jogadores com este tipo de características, que tenham capacidade de atuar pelo corredor, por dentro e por fora, são cada vez mais valorizadas.

A sua versatilidade, o rendimento que teve esta temporada e o preço de mercado, devido à descida de divisão do Grémio, faz com que alguns clubes europeus já tenham demonstrado interesse, com principal destaque para o Brentford.

Similar Posts

Leave a Reply

%d bloggers like this: